quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Como explicar ao coração que você não pode mais estar aqui?

Lembra do tempo que vivia em mim?...Da festa quando ouvimos teu coração. Você tão pequena nascendo e crescendo dentro de mim, e eu chorava e sorria ao mesmo tempo, tamanha era a emoção.
Como te esquecer? Você que meu deu as maiores e melhores razões pra viver e sonhar.
Lembrar do teu rosto e não poder correr pra te abraçar e te beijar, nem sei como explicar o que agora passo a sentir.

Não queria mais me reerguer e n’outro dia desmoronar pela dor dessa saudade, mas eu preciso te dizer que sinto sua falta, saudades do que vivemos e estranhamente do que não poderemos viver.
Querida vida minha, sempre haverá em meu coração um lugar que é todo seu. É nesse coração que te encontrarei e falarei contigo. Você sempre será minha menina feita de amor e a razão do meu despertar de menina-mulher, ainda que não esteja aqui para ver e viver com a mamãe, o papai e a irmãzinha Bambina do amadurecimento e renovo que tivemos dessa vida, gerado a partir de quem você é e sempre será: princesa, querida, filha amada.
Querida anjo com asas: Eu te amo!!! Não vivo sem você.

Amo tanto, tanto, tanto, que posso no ato de dizer essas palavras imaginar que cada letra vá ao teu encontro e te envolva com a sinceridade e força desse amor que pra sempre nos une.

Isabella, anjo de Luz, benção dos meus dias, do meu viver. Amor eterno a ti.
#3 anos e 22 dias sem você

11 comentários:

  1. Nem preciso dizer que estou me desmanchando em lágrimas nesse exato instante... eu sinto exatamente o mesmo em relação a minha Sofia. Bjos!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ja chorei tanto hoje também...é uma saudade uma vontade de estar pelo menos por alguns minutos com ela...Que Deus nos ajude a cada dia suportar com essa distancia temporaria entre nós e nossas anjinhas Isabella e Sofia

      Excluir
  2. Da um nó na garganta... não imagino como seria viver sem meu filho.
    Fica com Deus! Bjaoo
    http://mae-a-bordo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Eli querida jamais esquecerá do seu anjo
    a saudade é inevitável,
    mais seu anjo está bem

    Lindo Dia
    beijokas da Nanda

    Mamãe de Duas
    Google+Nanda

    ResponderExcluir
  4. Quanto mais o tempo passa, mais aumenta a saudade, faz 8 meses que o Arthur se foi, daria a minha vida pra te-lo por um minuto que fosse.
    Ainda sinto cheirinho dele , da primeira e unica vez que esteve em meus braços e já sem vida..Doi, mto. Que Deus nos de a paz que precisamos para seguirmos adiante.

    ResponderExcluir
  5. Querida, tô aqui de coração apertadinho. Um abraço apertado, à distância, enquanto não posso dar pessoalmente.
    Fica bem!

    ResponderExcluir
  6. Que lindo...to chorando sem parar com esse post...eu nem te conheço, mas senti uma vontade imensa de te abraçar...Vou orar por você e pelas outras mães que relataram acima o sofrimento por terem perdido seus filhos...Eu tenho a plena certeza que um dia vocês reencontraram os seus pequenos babys. Sejam fortes. Um beijo no coração...

    ResponderExcluir
  7. Esqueci de mencionar meu blog..segue o link. Bjks
    http://blogdalidianaleite.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Ai minha Luna... Que saudades me bateu agora!!!

    ResponderExcluir
  9. A dor de se perder um filho, seja em qualquer idade não deveria existir, porque é horrível e nnos faz sentirmos muito mal, ficarei orando por você para que a dor passe pois sei que a saudade vai sempre estar ai.

    Bejs ♡ decidisermamae.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. não imagino essa dor s peço a Deus que continue te consolando bjs em vc e na Gi

    ResponderExcluir

Oiê, ao deixar sua mensagem coloque o endereço do seu blog, assim poderei lhe fazer uma visitinha =).
Beijos com asas,
Ely